Reforma do Estado e transformação das elites políticas e econômicas de São Paulo
PDF

Palavras-chave

Reforma do Estado
elites econômicas e políticas
transformações.Reforma do Estado
transformações.

Como Citar

Reforma do Estado e transformação das elites políticas e econômicas de São Paulo. Revista Aurora, [S. l.], v. 1, n. 1, p. 69–83, 2007. DOI: 10.36311/1982-8004.2007.v1n1.1167. Disponível em: https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/article/view/1167.. Acesso em: 24 jul. 2024.

Resumo

o presente artigo estuda as transformações sofridas pelas elites políticas e econômicas paulistas durante o processo de reforma do Estado brasileiro ocorrido no período de 1994 a 2005. Busca-se entender a transformação sofrida pelo Estado Brasileiro desde 1980 até os dias atuais, a qual resultou na substituição do modelo desenvolvimentista para o liberal-gerencial; o comportamento das elites políticas no período e quais as razões que levaram às substituições ocorridas entre estas a partir de 1990, com a ascensão de um novo grupo político. Ainda, no que tange às elites econômicas, como a crise econômica dos anos 80 e a diminuição do peso do setor industrial na economia nacional, em especial a parcela paulista do PIB, alterou a composição das elites econômicas, sendo os empresários ligados ao setor industrial substituídos por outros alinhados aos novos setores da economia que emergiram dos processos de reforma do Estado, entre os quais os de serviços, surgidos das privatizações e o financeiro.
PDF

Referências

ABRUCIO, Fernando Luiz. Os Barões da Federação: os governadores e a redemocratização brasileira. São Paulo: Hucitec/USP, 1998.

BOSCHI, Renato; DINIZ, Eli; SANTOS, Fabiano. Elites Políticas e Econômicas no Brasil Contemporâneo. A desconstrução da ordem corporativa e o papel do Legislativo no cenário pós-reformas. São Paulo: Fundação Konrad Adenauer, 2000.

CANO, Wilson et al. Economia Paulista – dinâmica socioeconômica entre 1980 e 2005. Campinas, SP: Editora Alínea, 2007.

CARDOSO, Fernando Henrique. Empresariado industrial e desenvolvimento econômico no Brasil. São Paulo: Difel, 1964.

DEL VECCHIO, Angelo. Mais uma vez, navegar é preciso. In CASARO, Rita, org. São Paulo: realidade e perspectivas. Efeitos do neoliberalismo tucano no estado. São Paulo: A. Garibaldi, 2006, p. 91-104 DINIZ, Eli. Crise, reforma do Estado e governabilidade. Rio de Janeiro: Editora da Fundação Getúlio Vargas, 1997.

DEL VECCHIO, Angelo. Empresariado, Estado e capitalismo no Brasil. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 1978.

DEL VECCHIO, Angelo. Governabilidade, democracia e reforma do Estado: os desafios da construção de uma nova ordem no Brasil dos Anos 90. Dados, 38(3), 1995.

DINIZ, Eli, org. Empresários & modernização econômica: Brasil anos 90. Florianópolis: Ed. Universidade Federal de Santa Catarina, 1993.

FUKUYAMA, F.F. O fim da história e o último homem. Trad. Aulyde Soares Rodrigues, Rio de janeiro: Rocco, 1992.

MINISTÉRIO DE ADMINISTRAÇÃO E REFORMA DO ESTADO. Plano Diretor da Reforma do Aparelho do Estado. Brasília, 1995.

NOGUEIRA, Marco Aurélio. Um estado para a sociedade civil: temas éticos e políticos da gestão democrática. 2a ed. São Paulo: Cortez, 2005.

PEREIRA, Luiz Carlos Bresser. Uma reforma gerencial da administração pública no Brasil. Revista do Serviço Público. Brasília, Escola Nacional de Administração Pública (Enap), ano 49, n.o 1, p. 5-41, jan.-mar. 1998.

PEREIRA, Luiz Carlos Bresser. Crise econômica e reforma do Estado no Brasil: para uma nova interpretação da América Latina. São Paulo: Editora 34, 1996a.

PEREIRA, Luiz Carlos Bresser. Da administração pública burocrática à gerencial. Revista do Serviço Público. Brasília, Escola Nacional de Administração Pública (Enap), 1996, n.o 1, p. 7-40, janabr, 1996b.

SALLUM JR., Brasílio. Metamorfoses do Estado brasileiro no final do século XX. Revista Brasileira de Ciências Sociais. São Paulo, Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais (Anpocs) v. 18, n.o 52, p.1-9, jun. 2003.

SECRETARIA ESTADUAL DE GESTÃO PÚBLICA DE SÃO PAULO. Informações Políticas sobre o Estado de São Paulo. Disponível em . Acesso em: 12 de outubro de 2007.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2011 Revista Aurora

##plugins.themes.healthSciences.displayStats.downloads##

##plugins.themes.healthSciences.displayStats.noStats##