Desafio e dilemas da pesquisa no contexto digital
PDF

Palavras-chave

Apresentação

Como Citar

REVISTA AURORA, C. E. e E. da. Desafio e dilemas da pesquisa no contexto digital. Revista Aurora, [S. l.], v. 15, n. 1, p. 7–8, 2022. DOI: 10.36311/1982-8004.2022.v15.n1.p7-8. Disponível em: https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/aurora/article/view/13861. Acesso em: 24 abr. 2024.

Resumo

É com imenso prazer que damos sequência aos nossos trabalhos e apresentamos ao leitor mais uma publicação da Revista Aurora. Neste volume, apresentamos os trabalhos a) “O digital como objeto de pesquisa nas ciências sociais: desafios do mapeamento do pensamento social brasileiro a partir da análise de redes”, de Allan Alves Rodrigues (UFF) e Marcela da Silva Canto Bastos (UFF), que os desafios metodológicos da intersecção da área das humanidades com métodos computacionais de pesquisa; b) “O papel das redes sociais nas eleições municipais em época de pandemia: monitoramento do facebook das candidatas ao cargo de vereadora em Rio Grande da Serra - SP”, de Laura Cazarini Trotta et al (UFSCAR), que reflete sobre a ausência de mulheres nos espaços de poder municipais; c) “De olho nas campanhas eleitorais, redes sociais e pleitos municipais: um levantamento na Compós e na Compolítica”, de Arthur Raposo Gomes (UFJF) e Luiz Ademir de Oliveira (IUPERJ), que faz um levantamento das temáticas discutidas por pesquisadores na área da comunicação política; d) ““Acho brega esse negócio de ser macho”: educação, bordado, masculinidade e produções de Fábio Carvalho”, de João Paulo Baliscei (UEM) e Ana Carolina Souza (UEM), que discute as relações entre masculinidades e arte a partir das produções de Fábio de Carvalho; e) “O corpo como espaço de fronteiras: os (des)arranjos das identidades e suas relações de poder”, de Wesley Piante Chotolli (UNESP), que questiona as fronteiras entre os sujeitos e suas práticas, buscando as estruturas de poder que afetam e domesticam as expressões corporais na contemporaneidade; f) “Ética do cuidado e alteridade na sociedade do cansaço de Byung-Chul Han”, de Matiel de Oliveira Bernabé (UCDB) e Victor Hugo (UCDB), que pesquisa a perda da alteridade como resultado da sociedade do cansaço, se utilizando da perspectiva de Byaung-Chul Han; g) “Segregação ou miscigenação: os dilemas da eugenia no Brasil nas primeiras décadas do Século XX”, de Ramatis Jacino (UFABC) e Weber Lopes Goes (UFABC), que as relações étnicas no início do Brasil República a partir dos preceitos eugênicos utilizados no país; h) “Custa nada sonhar” em tempos de hiperinflação: um retrato bem humorado da trágica realidade econômica brasileira no início da década de 1990”, de Pedro Pellegrino de Oliveira (UNESP), que analisa o contexto socio-político no Brasil no início dos anos de 1990 a partir da canção Custa nada sonhar, de Itamar Assumpção e Paulo Leminski; e i) “Entre Marx e Spinoza: dialética e epistemologia no “segundo” Althusser (1974-1976)”, de Fabrizio Aveline (UFRGS), que recupera posições de Louis Althusser que se encontram entre o materialismo de Marx e o racionalismo-especulativo de Spinoza.

https://doi.org/10.36311/1982-8004.2022.v15.n1.p7-8
PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Revista Aurora

Downloads

Não há dados estatísticos.