Três tradições explicativas na lei da queda dos corpos

Autores

  • Carlos Arthur Ribeiro do Nascimento

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-31731983000100002

Palavras-chave:

Galileu, Discursos, movimento naturalmente acelerado, raciocínio ex hypothesi, Aristóteles, Euclides, ciências intermediárias, ótica

Resumo

O presente trabalho tenta mostrar como na justificação teórica do estudo do movimento naturalmente acelerado nos Discursos, Galileu combinaria três posturas metodológicas não perfeitamente coincidentes. Seriam elas: a demonstração ex hypothesi da tradição astronômica, interpretada realistamente; a demonstração necessária da tradição aristotélico-euclidiana; a demonstração típica das "ciências intermediárias". Assim, mesmo a última obra de Galileu estaria longe de ser inequívoca em matéria de metodologia científica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1983-01-01

Como Citar

Nascimento, C. A. R. do. (1983). Três tradições explicativas na lei da queda dos corpos. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 6, 5–12. https://doi.org/10.1590/S0101-31731983000100002

Edição

Seção

Artigos e Comentários