Introdução ao pensamento de Francisco de Oliveira

um avis rara na dialética brasileira

Autores

  • Adilson Marques Gennari UNESP Campus de Araraquara

DOI:

https://doi.org/10.36311/2675-3871.2020.v1n01.p86-103

Palavras-chave:

Francisco de Oliveira, pensamento de Francisco de Oliveira, sociologia brasileira

Resumo

Este artigo tem o objetivo de fazer uma introdução ao pensamento do sociólogo Francisco de Oliveira cuja obra o fez figurar entre os grandes teóricos que contribuíram para elucidar a particularidade do capitalismo brasileiro. Avis rara na academia, arriscou-se a avançar sobre as teorias de Marx e logrou êxito ao refletir sobre seu antivalor (até hoje pouco compreendido) e sobre a atual sociedade capitalista chamada por ele de molecular-digital. Sua relativamente vasta obra vai desde os escritos do CEBRAP sobre crítica ao pensamento da CEPAL e construção de sua análise crítica da economia e sociedade brasileira até suas últimas reflexões sobre o momento presente. Sensível e visionário, viu que a sociedade brasileira rumara para “complexos processos de nova direitização, neoconservadorismo, racismo físico e cultural, intensa transformação dos sujeitos sociais, desemprego, que no fundo expressam uma radical exasperação dos limites da mercadoria. Uma crise da modernidade que volta a tangenciar os limites do totalitarismo, numa espécie de Auschwitz sem chaminés de crematório.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-05-14