O tempo como critério de verificação da possibilidade do discurso filosófico

Palavras-chave: Heidegger, Tempo, Predicação, Discurso filosófico

Resumo

O objetivo principal do presente estudo é identificar o tempo como o critério de verificação da possibilidade de um discurso filosófico, isto é, de uma possibilidade discursiva ser capaz de falar adequadamente acerca das palavras fundamentais. Para tanto, interessará mostrar como o tempo é o elemento vinculador das condições de possibilidade do enunciado em geral e como este se fundamenta na estrutura imprópria da temporalidade. Tal prerrogativa é o que inviabiliza o enunciado tratar adequadamente qualquer palavra fundamental. Caberá, então, afirmar que somente uma possibilidade discursiva que se fundamente na estrutura própria da temporalidade poderá ter um acesso adequado às palavras fundamentais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Estevão Lemos Cruz, Universidade Estadual do Paraná
Professor adjunto do curso de Filosofia e do Programa de Pós-graduação em Filosofia da Universidade Estadual do Paraná. Pesquisador efetivo do Núcleo de Estudos Scrinium (NES).
Publicado
2020-09-10
Seção
Artigos/Articles