Teatro de rua como apropriação da silhueta urbana: hibridismo e jogo no espaço inóspito

Autores

  • André Luiz Antunes Netto Carreira

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-31732001000100010

Palavras-chave:

Teatro, risco, jogo, pós-modernidade

Resumo

Pretende-se refletir aqui sobre a exploração de fronteiras no campo do teatro a partir da utilização do conceito de risco. A experimentação de técnicas de risco na preparação do ator e na construção do texto espetacular se orienta à criação de cerimônias teatrais cujo eixo é a constituição de novos vínculos entre a audiência e a performance.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2001-01-01

Como Citar

Carreira, A. L. A. N. (2001). Teatro de rua como apropriação da silhueta urbana: hibridismo e jogo no espaço inóspito. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 24(1), 143–152. https://doi.org/10.1590/S0101-31732001000100010

Edição

Seção

Artigos e Comentários