A MIMESIS MUSICAL

Autores

  • KATIA KATO

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-31732016000500007

Palavras-chave:

Mimesis musical, Aristóteles, Musica Poetica, Johann Sebastian Bach

Resumo

A música ocupa um lugar de destaque como um dos principais meios de imitação. A utilização da música como ferramenta para suscitar e representar afetos, preconizada desde os antigos, chega integralmente ao século XVIII, podendo ser observada claramente nas obras dos compositores alemães ligados à doutrina composicional da Musica Poetica3 e, sobretudo, na obra de Johann Sebastian Bach. Porém, diversas são as espécies de imitação musical, de forma que o intuito deste trabalho foi categorizar e definir a função das espécies imitativas, com base na concepção aristotélica de imitação e nas categorias de imitação propostas por Johann Mattheson, um dos principais teóricos da Musica Poetica, tentando demonstrar que, desde a concepção musical da antiguidade, música e poética são inseparáveis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

KATIA KATO

O Laboratório Editorial foi instituído com o objetivo de criar condições e oportunidades para a difusão de pesquisas e tornar públicos os resultados dos trabalhos do corpo docente da FFC. Constitui-se num órgão adjunto à Diretoria da FFC e vinculado à SAEPE, com o apoio da Seção Gráfica, da Diretoria, da Biblioteca, e das Seções de Finanças, Compras e Técnica Acadêmica. A função do Laboratório Editorial é a de assessorar, planejar, realizar e distribuir livros, periódicos e outras publicações elaboradas na FFC.

E-mail: labeditorial@marilia.unesp.br 

Downloads

Publicado

2017-01-17

Como Citar

KATO, K. (2017). A MIMESIS MUSICAL. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 39(Special Issue), 93–110. https://doi.org/10.1590/S0101-31732016000500007

Edição

Seção

Artigos e Comentários