A RELAÇÃO ENTRE ARTE E SOCIEDADE À LUZ DO CONCEITO DE AUTONOMIA ESTÉTICA DE ADORNO

Autores

  • SINÉSIO FERRAZ BUENO
  • KARINA CONSTANCIO SANITÁ

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-317320160005000010

Palavras-chave:

Teoria Estética, Teoria Crítica, Theodor W. Adorno

Resumo

Sob a ótica do conceito adorniano de autonomia estética, analisamos aqui de qual forma se dá a relação entre sociedade e arte, passando por discussões quanto à separação entre teoria e práxis, quanto à lógica interna da obra de arte, quanto ao poder de integração da indústria cultural, em relação às obras de arte, e quanto à impossibilidade de controlar os seus efeitos sociais, seja ela autônoma, seja engajada. Trata-se, ainda, de demonstrar o caráter ilusório da proposição segundo a qual a arte seria eficaz instrumento politizador, quando utilizada de forma a engajar e adaptar seu conteúdo a objetivos políticos pré-determinados, o que será feito por meio da análise interpretativa das obras de Theodor W. Adorno e de seus comentadores, na área de estética.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

SINÉSIO FERRAZ BUENO

O Laboratório Editorial foi instituído com o objetivo de criar condições e oportunidades para a difusão de pesquisas e tornar públicos os resultados dos trabalhos do corpo docente da FFC. Constitui-se num órgão adjunto à Diretoria da FFC e vinculado à SAEPE, com o apoio da Seção Gráfica, da Diretoria, da Biblioteca, e das Seções de Finanças, Compras e Técnica Acadêmica. A função do Laboratório Editorial é a de assessorar, planejar, realizar e distribuir livros, periódicos e outras publicações elaboradas na FFC.

E-mail: labeditorial@marilia.unesp.br 

Downloads

Publicado

2017-01-17

Como Citar

BUENO, S. F., & SANITÁ, K. C. (2017). A RELAÇÃO ENTRE ARTE E SOCIEDADE À LUZ DO CONCEITO DE AUTONOMIA ESTÉTICA DE ADORNO. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 39(Special Issue), 155–172. https://doi.org/10.1590/S0101-317320160005000010

Edição

Seção

Artigos e Comentários