THE LEBANESE CIVIL WAR AND THE SYRIAN INTERVENTION IN LEBANON UNTILL 1990,

AN ALTERNATIVE PERSPECTIVE

Autores

  • Jamal Wakim UNESP

DOI:

https://doi.org/10.36311/2526-1843.2020.v5n7.p141-157

Palavras-chave:

Hegemonia. Classe Mercantil. Maronitas. Druzos. Shiitas. Sunitas.

Resumo

Este artigo argumenta que, ao contrário da alegação da escola liberal dominante, a Síria não agiu como um desestabilizador do sistema confessional libanês, o que levou ao colapso do sistema e à guerra civil entre 1975 e 1990. Em vez disso, o regime sírio, impulsionado pelo interesses da classe burguesa damascena intimamente associada ao fluxo comercial entre Beirute e a região do Golfo via Damasco, escolheu conter a crise e reabilitar o sistema confessional que é um sistema de hegemonia que impede a luta de classes em benefício da burguesia mercantil libanesa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-12-18

Edição

Seção

Artigos