OS HERDEIROS DA EDUCAÇÃO: UMA BREVE REFLEXÃO SOBRE O CENÁRIO BRASILEIRO

Tamyres Gaby Martins ALVES

Resumo


Foi durante a década de 1960, marcada pela efervescência dos movimentos estudantis, que o livro Os Herdeiros de Pierre Bourdieu, em colaboração com Jean-Claude Passeron, foi lançado na França. Na época em que o livro foi publicado, somente 6% dos alunos que frequentavam o ensino superior eram filhos de operários. Assim, as regras do jogo universitário francês eram explícitas, demonstrando que o sistema de ensino reproduz e ratifica as desigualdades sociais como desigualdades naturais. Levando em conta a atemporalidade do livro e as singularidades entre França e Brasil, Os Herdeiros foi a inspiração para construção desse texto. Cabe uma análise de quem são os herdeiros e os não-herdeiros da educação em nosso país.

Palavras-chave


Herdeiros;Capital Cultural;Habitus;Batalhadores;

Texto completo:

PDF