Física e biologia: possíveis limites de demarcação conceitual

Autores

  • Arthur Araújo

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-31732006000200003

Palavras-chave:

física, biologia, limites, reducionismo, evolução

Resumo

A partir do texto do físico alemão E.Schroedinger, O que é vida? (1943), analisam-se os possíveis limites de demarcação conceitual entre física e biologia. Há um limite possível entre física e biologia? Ou a biologia pode ser reduzida à física? Avaliam-se diferentes pontos de vista entre cientistas e filósofos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2006-12-01

Como Citar

Araújo, A. (2006). Física e biologia: possíveis limites de demarcação conceitual. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 29(2), 19–31. https://doi.org/10.1590/S0101-31732006000200003

Edição

Seção

Artigos e Comentários