Rir é o próprio do homem

Autores

  • Carlos Arthur R. do Nascimento

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-31731999000100004

Resumo

Este pequeno texto tenta investigar as origens do conhecido exemplo “o riso é o próprio do homem”. Conclui-se que, se não a origem, a difusão do exemplo encontra-se na Isagoge de Porfírio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1999-01-01

Como Citar

Nascimento, C. A. R. do. (1999). Rir é o próprio do homem. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 21(1), 27–32. https://doi.org/10.1590/S0101-31731999000100004

Edição

Seção

Artigos e Comentários

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)