MERAS COISAS E ARTES DO ESPAÇO

DESCONSTRUÇÃO EM OBRAS

Autores

  • ALICE SERRA

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-31732016000500008

Palavras-chave:

Jacques Derrida, Martin Heidegger, Giuseppe Penone Robert Smithson, Claudi Casanovas

Resumo

Este texto aborda alguns trabalhos contemporâneos em artes visuais (obras de G. Penone, R. Smithson, C. Casanovas) que apresentam diferentes relações e disposições de um material dito natural: pedras. Ao retomar as distinções explicitadas por Heidegger, entre meras coisas, utensílio e obra de arte, bem como entre a pedra, o animal e o homem em relação ao mundo, serão discutidos deslocamentos acerca dessas distinções, com base em apontamentos da desconstrução (Jacques Derrida e outros autores). Pretende-se indicar alguns dos sentidos em que os enfoques desconstrutivos são frutíferos, para se pensar movimentos contemporâneos no âmbito do que Derrida denomina artes do espaço.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

ALICE SERRA

O Laboratório Editorial foi instituído com o objetivo de criar condições e oportunidades para a difusão de pesquisas e tornar públicos os resultados dos trabalhos do corpo docente da FFC. Constitui-se num órgão adjunto à Diretoria da FFC e vinculado à SAEPE, com o apoio da Seção Gráfica, da Diretoria, da Biblioteca, e das Seções de Finanças, Compras e Técnica Acadêmica. A função do Laboratório Editorial é a de assessorar, planejar, realizar e distribuir livros, periódicos e outras publicações elaboradas na FFC.

E-mail: labeditorial@marilia.unesp.br 

Downloads

Publicado

2017-01-17

Como Citar

SERRA, A. (2017). MERAS COISAS E ARTES DO ESPAÇO: DESCONSTRUÇÃO EM OBRAS. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 39(Special Issue), 111–132. https://doi.org/10.1590/S0101-31732016000500008

Edição

Seção

Artigos e Comentários