L’ARTIGIANO, LO STORICO E L’INTERPRETE TRA STORIOGRAFIA FILOSOFICA E APPROCCIO SPECULATIVO

Autores

  • Fabio GRIGENTI

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-3173201400ne00005

Palavras-chave:

Storiografia filosofica. Approccio speculativo. Metodo. Interpretazione.

Resumo

Il tema centrale del saggio è la questione del rapporto tra storiografia filosofica e
approccio speculativo. Il testo di riferimento è il volume di Gregorio Piaia, Il lavoro storico filosofico, Questioni di metodo ed esiti didattici (Padova: Cleup, 2001). Nello svolgimento si analizzano le caratteristiche dei differenti tipi di ricostruzione del passato della filosofia, dando particolare importanza ai concetti di “metodo” e di “interpretazione”. Nelle conclusioni si sostiene che storiografia filosofica e approccio speculativo esprimono tendenze contrarie entro delle possibilità comprese tra limiti estremi.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabio GRIGENTI

O Laboratório Editorial foi instituído com o objetivo de criar condições e oportunidades para a difusão de pesquisas e tornar públicos os resultados dos trabalhos do corpo docente da FFC. Constitui-se num órgão adjunto à Diretoria da FFC e vinculado à SAEPE, com o apoio da Seção Gráfica, da Diretoria, da Biblioteca, e das Seções de Finanças, Compras e Técnica Acadêmica. A função do Laboratório Editorial é a de assessorar, planejar, realizar e distribuir livros, periódicos e outras publicações elaboradas na FFC.

E-mail: labeditorial@marilia.unesp.br 

Downloads

Publicado

2015-02-19

Como Citar

GRIGENTI, F. (2015). L’ARTIGIANO, LO STORICO E L’INTERPRETE TRA STORIOGRAFIA FILOSOFICA E APPROCCIO SPECULATIVO. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 37. https://doi.org/10.1590/S0101-3173201400ne00005

Edição

Seção

Artigos e Comentários