Comentário a “A linguagem violentada e a mimese humana nas democracias espetaculares”

Autores

  • Evandro Pontel Pontifica Universidade Católica - PUC/RS

DOI:

https://doi.org/10.1590/0101-3173.2021.v44n3.03.p45

Palavras-chave:

Mimese, G. Agamben, Linguagem violentada

Resumo

Referência do artigo comentado: RUIZ, C. M. M. B. A linguagem violentada e a mimese humana nas democracias espetaculares: interlocuções com Giorgio Agamben. Trans/form/ ação: revista de filosofia da Unesp, v. 44, n. 3, p. 19-44, 2021.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Evandro Pontel, Pontifica Universidade Católica - PUC/RS

Professor colaborador e pós-doutorando em Filosofia e Editor assistente na Revista Veritas, Escola de Humanidades, Programa de Pós-Graduação em Filosofia, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Porto Alegre, RS – Brasil.

Referências

AGAMBEN, Giorgio. O uso dos corpos. São Paulo: Boitempo, 2017.

DEBORD, Guy. A sociedade do espetáculo. Rio de Janeiro: Contraponto, 1997.

CHIGNOLA, Sandro. Foucault além de Focault: uma política da Filosofia. Porto Alegre: Criação Humana, 2020.

DIDI-HUBERMAN, Georges. Imágenes pese a todo: memoria visual del holocausto. Barcelona: Paidós, 2004.

DIDI-HUBERMAN, Georges. Sobrevivência dos vaga-lumes. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2011.

KLEMPLERER, Victor. LTI. A linguagem do Terceiro Reich. Rio de Janeiro: Contraponto, 2009.

LOVELUCK, Benjamin. Redes, Liberdades e Controle: uma genealogia política da internet. Petrópolis: Vozes, 2018.

MBEMBE, Achille. Sair da Grande Noite. Ensaio sobre a África descolonizada. Luanda: Pedago/Mulemba, 2014.

PONTEL, Evandro. Lógicas de exceção: a condição humana e a política entre a vida (nua) e o (bio)poder no pensamento de Giorgio Agamben. São Paulo: Tirant lo Blanch, 2020.

RUIZ, C. M. M. B. A linguagem violentada e a mimese humana nas democracias espetaculares: interlocuções com Giorgio Agamben. Trans/form/ação: revista de filosofia da Unesp, v. 44, n. 3, p. Xxx –xxx, 2021.

SOUZA, Ricardo Timm de. Crítica da razão idolátrica – tentação de thanatos, necroética e sobrevivência. Porto Alegre: Zouk, 2020.

Recebido: 28/5/2021

Aceito: 30/5/2021

Downloads

Publicado

2021-08-20 — Atualizado em 2021-08-27

Como Citar

Pontel, E. (2021). Comentário a “A linguagem violentada e a mimese humana nas democracias espetaculares”. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 44(3), 45–50. https://doi.org/10.1590/0101-3173.2021.v44n3.03.p45

Edição

Seção

Artigos e Comentários