Necessidade e individuação

Autores

  • Iray Carone

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-31731992000100005

Palavras-chave:

Necessidade, indivíduo, ética, práxis

Resumo

A crítica das modernas sociedades capitalistas passa necessariamente pela crítica do indivíduo - a separação entre psique e cultura não é mantida quando uma forte tendência para uma sociedade unidimensional submerge o particular no universal totalitário. Por esse motivo, o conhecimento da subjetividade humana não é um objetivo exclusivo de psicólogos adentrando na imanência psíquica. Os filósofos críticos têm a mesma intenção, também - e a prova são os estudos frankfurteanos sobre o autoritarismo na década de 1940. Apresentaremos alguns aspectos da obra filosófica de Agnes Heller (1929-) relacionados com a questão do indivíduo e a urgência de construir os fundamentos teóricos de uma ética que possa servir de guia para a práxis humana nas nossas sociedades modernas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1992-12-30

Como Citar

Carone, I. (1992). Necessidade e individuação. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 15, 85–111. https://doi.org/10.1590/S0101-31731992000100005

Edição

Seção

Artigos e Comentários