Comentário a "Sobre as consequências filosóficas do primado da percepção em Merleau-Ponty"

Autores

  • Gisele Batista Candido Universidade Federal do Rio de Janeiro

Palavras-chave:

Merleau-Ponty, Percepção

Resumo

Referência do texto comentado: Camargo, Jeovane. Sobre as consequências filosóficas do primado da percepção em Merleau-Ponty. Trans/Form/Ação: revista de filosofia da Unesp, vol. 43, Número Especial, p. 231-256, 2020.que ele se conhece. (MERLEAU-PONTY, 1999, p. 6)

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gisele Batista Candido, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Docente no Departamento de Fundamentos da Educação/FE - UFRJ.

Referências

BARBARAS, R. Investigações Fenomenológicas – Em direção a uma fenomenologia da vida. Curitiba: Editora UFPR, 2011.

CAMARGO, Jeovane. Sobre as consequências filosóficas do primado da percepção em Merleau-Ponty. Trans/Form/Ação: revista de filosofia da Unesp, vol. 43, Número Especial, p. 231-256, 2020.

MERLEAU-PONTY, M. Fenomenologia da Percepção. São Paulo: Martins Fontes, 1999.

MERLEAU-PONTY, M. O olho e o espírito. São Paulo: Cosac e Naify, 2004

MERLEAU-PONTY, M. O Visível e o Invisível. 4ª. ed. São Paulo: Editora Perspectiva, 2000.

Publicado

2020-10-09 — Atualizado em 2022-07-18

Como Citar

Candido, G. B. . (2022). Comentário a "Sobre as consequências filosóficas do primado da percepção em Merleau-Ponty". TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia Da Unesp, 43(Special Issue), 263–268. Recuperado de https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/transformacao/article/view/11049

Edição

Seção

Artigos e Comentários

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.