Linguagem e formação na teoria da consciência do jovem Hegel

Autores

  • Erick C. de Lima

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-31732011000100005

Resumo

O trabalho pretende expor, em suas linhas gerais, a ligação, presente na teoria da consciência desenvolvida por Hegel, na Filosofia do Espírito de Jena, entre a formação da consciência, compreendida no bojo dos processos de individualização e desenvolvimento das capacidades práticocognitivas, e a pré-articulação linguística da cognição. Para isso, o ponto de partida é a exposição dos aspectos gerais da teoria hegeliana da consciência, nessa fase. Em seguida, interpreta-se essa teoria da consciência, relacionando-a a processos societários de desenvolvimento de capacidades prático-cognitivas. A partir disso, procura-se então delinear os aspectos fundamentais da relação entre razão teórica e linguagem. Finalmente, discute-se a recuperação da consideração sobre a linguagem, no processo de formação da consciência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-07-25

Como Citar

Lima, E. C. de. (2011). Linguagem e formação na teoria da consciência do jovem Hegel. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista De Filosofia, 34(1), 67–86. https://doi.org/10.1590/S0101-31732011000100005

Edição

Seção

Artigos e Comentários