Sobre a Revista

Foco e Escopo

Kínesis - Revista de Estudos dos Pós-Graduandos em Filosofia é uma revista eletrônica acadêmica na área de Filosofia que tem por missão publicar e divulgar pesquisas de pós-graduandos e pós-graduados a partir de um criterioso processo de avaliação.

Surgiu em 2009 da iniciativa conjunta dos pós-graduandos em Filosofia do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Estadual Paulista (Unesp), Campus de Marília-SP.

A Revista atende exclusivamente a demanda de pesquisa e publicação de pós-graduandos e pós-graduados na área de Filosofia e suas articulações com as demais áreas do conhecimento (ciências, literatura, artes, etc); não publica trabalhos de graduandos e graduados.

Apoio Institucional

Tem apoio do Programa de Pós-Graduação em Filosofia e do Departamento de Filosofia da Universidade Estadual Paulista (Unesp), Campus de Marília-SP.

Avaliação Qualis CAPES

Na última avaliação trienal da CAPES (Quadriênio 2013-2016), a Kínesis Qualis B2 em Filosofia.

Periodicidade e Fluxo de Submissão

A Kínesis publica seus números semestralmente e recebe trabalhos em fluxo contínuo, com exceção de números especiais ou dossiês que dependem de chamadas com datas específicas. Cada número terá no máximo 20 artigos. Em situações de grande número de trabalhos aprovados serão publicados os textos com data de submissão mais antiga e os demais textos serão publicados em números especiais; neste caso os autores serão comunicados. 

Política de Acesso Livre

A licença adotada é a Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional (CC BY-NC-SA 4.0). Nesta lincença, os leitores têm acesso livre e imediato ao conteúdo. Além disso, o periódico autoriza a distribuição, remixagem, adaptação e criação da obra para fins não comerciais, desde que licenciem as novas criações sob termos idênticos e que o crédito seja atribuído ao autor e à Revista como publicação inicial. A Revista entende que esta licença permite um acesso mais universal ao conhecimento. 

Política de Direito Autoral 

Os trabalhos publicados na Kínesis são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Os autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente para distribuição não exclusiva da versão do trabalho publicada neste periódico (por exemplo: publicar em repositório institucional, em site pessoal, publicar uma tradução ou como capítulo de livro).

Como mencionado na Política de Acesso Livre, os autores cedem o direito exclusivo de primeira publicação à Revista, sendo o trabalho licenciado simultaneamente sob a licença mencionada acima em Política de Acesso Livre.

Os autores consentem, também, que seus artigos podem ser incorporados pela Kínesis em indexadores e bancos de dados atuais existentes ou a existir no futuro; os titulares destes bancos podem reproduzir, transmitir e distribuir os textos, no todo ou em parte, sob qualquer forma ou meio de transmissão eletrônica existente ou desenvolvida no futuro.

Política de Preservação Digital

A Kínesis está hospedada no Portal de Periódicos da UNESP, o que garante a preservação de seu conteúdo digital de duas formas: (i) cópias de segurança (backups) são realizadas diariamente; (ii) preservação pela Rede Brasileira de Serviços de Preservação Digital (Rede Cariniana); esta Rede é uma iniciativa do Instituto Brasileiro de Informação em Ciências e Tecnologia (IBICT) e faz parte do programa Lots of Copies Keep Stuff Safe (LOCKSS), da Stanford University. Além disso, todos os documentos da Kínesis são arquivados em uma nuvem protegida e segura.

Política de Combate ao Plágio

A Revista não aceita nenhum tipo de plágio. A notificação sobre plágio deverá ser enviada através do contato da Revista. Os autores que submeterem seus textos deverão assegurar a originalidade de seus trabalhos.

As más condutas científicas são definidas, respectivamente, pela Academia Brasileira de Ciências, neste endereço, da seguinte maneira:

1. Plágio envolvendo a apropriação de ideias e do trabalho de outros sem o crédito devido;

2. Autoplágio ou republicação de resultados científicos já divulgados, como se fossem novos, sem informar publicação prévia;

3. Falsificação ou manipulação de dados, procedimento e resultados;

4. Fabricação de resultados e de registros como se fossem reais. 

Todos os manuscritos submetidos ao periódico são examinados por meio de programas de detecção de plágio (Turnitin). 

Os casos de plágio, autoplágio (reciclagem de texto) ou publicação redundante, seguirão medidas pautadas pelas diretrizes do Comitê de Ética em Publicações-COPE

A Kínesis suspenderá o processo de avaliação e exigirá esclarecimentos, retratações e pedido de desculpas por parte de autores, conforme a Política de Errata e Retratação.

Políticas de Taxas

Não há cobrança de taxa para submissão, avaliação ou publicação dos textos.