ENTRE BRECHAS, OUSADIAS, RESISTÊNCIA E CIÊNCIA: UMA POSSÍVEL HISTÓRIA DAS ALTERNATIVAS EDUCACIONAIS

  • Tathyana Gouvêa da Silva Barrera Professora-orientadora da pós-graduação em Educação Transformadora da Faculdade Vicentina e do MBA de Gestão Escolar da Universidade de São Paulo (USP)
Palavras-chave: Alternativas educacionais, História, Escolas inovadoras

Resumo

Considerando que as escolas são organizações sociais dinâmicas, buscamos iden-tificar ao longo da história da educação práticas que se apresentaram como con-traposição ao modelo escolar hegemônico, cuja forma disciplinar e fragmentada remontaria ao século XIX. Nesta perspectiva traçou-se uma possível trajetória das alternativas educacionais evidenciando que tais projetos sempre existiram ao longo da história da escola e em maior ou menor grau influenciaram a cultura escolar, dando ênfase especial ao movimento escolanovista, tanto por sua repre-sentatividade, quanto pela imprecisão teórica que há na definição de seu início e fim, abarcando, por isso, quase um século. Na sequência, são apresentados alguns estudos que buscam distinguir, dentro desse grande movimento de contraposição ao modelo tradicional, diferentes tendências e abordagens, oferecendo subsídios para compreensão das diferenças e com isso elementos para a constru-ção de propostas alternativas que permitam a superação do modelo escolar tradicional.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-10-24
Seção
Artigos