ORDO AMORIS: A RELAÇÃO ENTRE A ORDEM E O AMOR NO PENSAMENTO ÉTICO DE SANTO AGOSTINHO

Autores

Palavras-chave:

Ordem, Amor, Ética

Resumo

O presente artigo tem por objetivo realizar uma análise da ordem do amor em Santo Agostinho. Para tanto, percorreremos suas obras a fim de buscar o movimento natural do amor, do interior humano a Deus, na busca da satisfação dos desejos e da felicidade; e como esse movimento conduz a uma ética direcionada, principalmente, ao atendimento dos mais carentes. Para isso, abordaremos o conceito de ordem e a dinâmica do amor a Deus e ao próximo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AGOSTINHO. A Cidade de Deus: contra os pagãos (livros XI-XXII). Tradução de Oscar Paes Leme. Petrópolis: Vozes/ São Paulo: Federação Agostiniana Brasileira, 1990, vol. II, 2ª ed.

______. A doutrina cristã: manual de exegese e formação cristã. Tradução, adaptação e notas de Nair de Assis Oliveira. 2 ª ed. São Paulo: Paulus, 2007 [col. “Patrística”, vol. 17].

______. A Trindade. Tradução e introdução de Agustinho Belmonte; revisão e notas de Nair de Assis Oliveira. 4ª ed. São Paulo: Paulus: 2008 [col. “Patrística”, vol. 7].

_______. Cartas. Biblioteca de Autores Cristianos [Obras completas - versión española]. Disponível em: <http://www.augustinus.it/spagnolo/lettere/index2.htm>. Acesso em: 10 mar. 2015.

______. Comentário Literal ao Gênesis. In: AGOSTINHO, Santo. Comentário ao Gênesis. Tradução de Agostinho Belmonte. São Paulo: Paulus, 2005 [col. “Patrística”, vol. 21].

______. Comentário aos Salmos: Salmos 101-150. Tradução das monjas beneditinas do Mosteiros de Maria Mãe de Cristo. São Paulo: Paulus, 1997 [col. “Patrística”, vol. 9/3].

______. Comentário da primeira epístola de São João. Tradução e notas de Nair de Assis Oliveira. São Paulo: Paulinas, 1986.

______. Contra os acadêmicos; A ordem; A grandeza da alma; O mestre. Tradução de Agostinho Belmonte. São Paulo: Paulus, 2008 [col. “Patrística”, vol. 24].

______. Confissões. Tradução de Maria Luiza Jardim Amarante. 21 ª ed. São Paulo: Paulus, 2009.

_______. Las costumbres de la Iglesia y las de los maniqueos. Biblioteca de Autores Cristianos. [Obras completas - versión española]. Disponível em: <http://www.augustinus.it/spagnolo/costumi/index.htm >. Acesso em: 18 mar. 2015.

______. O livre-arbítrio. Tradução e notas de Nair de Assis Oliveira. 2ª ed. São Paulo: Paulus, 1995 [col. “Patrística”, vol. 8].

______. Solilóquios; A vida feliz. Tradução de Adaury Fiorotti e Nair de Assis Oliveira. São Paulo: Paulus, 1998 [col. “Patrística”, vol. 11].

______. Regra para os servos de Deus. In: BOFF, Clodovis. A regra de Santo Agostinho. Apresentação e comentários de Clodovis Boff. Petrópolis: Vozes, 2009 [col. Regras comentadas].

ARENDT, H. O conceito de amor em Santo Agostinho. Lisboa: Instituto Piaget, 1997.

BAUMAN, Z. Amor liquído: sobre a fragilidade dos laços humanos. Tradução de Carlos Alberto Medeiros. Rio de Janeiro: Zahar, 2004.

______. Tempos líquidos. Tradução de Carlos Alberto Medeiros. Rio de Janeiro: Zahar, 2007.

BOFF, L. A urgência de refundar a ética e a moral. Disponível em: https://leonardoboff.wordpress.com/2014/10/27/a-urgencia-de-refundar-a-etica-e-amoral/. Acesso em: 10 mar. 2017.

______. Ethos mundial: um consenso mínimo entre os humanos. Rio de Janeiro: Record, 2009.

COSTA, M. R. N. 10 lições sobre Santo Agostinho. Petrópolis: Vozes, 2012.

DUSSEL, E. Ética da libertação: na idade da globalização e da exclusão. Tradução de Ephraim Ferreira Alves, Jaime A. Clasen, Lúcia M. E. Orth. Petrópolis, Vozes: 2012.

FITZGERALD, A. Diccionario de San Agustín: San Agustín a través del tempo. Burgos: Monte Carmelo, 2001.

GILSON, E. Introdução ao Estudo de Santo Agostinho. Trad de Cristiane Negreiros Abbud Ayoub. São Paulo: Discurso Editorial; Paulus, 2006.

GRACIA, J. J. E., NOONE, T. B. A companion to philosophy in the Middle Ages. Oxford, Blackwell, 2002.

RAMOS, M. A ideia de estado na doutrina ético-política de Santo Agostinho: um estudo do Epistolário comparado com o “De Civitate Dei”. Porto Alegre: Letra&Vida, 2015

Downloads

Publicado

2020-12-30

Edição

Seção

Artigos