O USO DE CANAIS DE INFORMAÇÃO NA IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO

Autores

  • Diana Viturino SANTOS
  • Heike SCHMITZ

DOI:

https://doi.org/10.36311/2236-5192.2016.v17n02.02.p7

Palavras-chave:

Gestão da Informação, Política pública educacional, Programa Mais Educação

Resumo

Este estudo trata da gestão da informação na implementação do Programa Mais Educação, que prevê no seu desenho administrativo uma cooperação entre diferentes entes federados. A gestão da informação se torna, desta forma, um fator crucial para sua implementação. São apresentados os resultados de uma análise da gestão da informação na Secretaria de Estado da Educação de Sergipe, alcançados numa pesquisa qualitativa, na qual foram realizadas análises de documentos, observações diretas e entrevistas semiestruturadas com os integrantes da equipe coordenadora do programa na rede estadual de ensino. Enfatizou-se os canais utilizados para disseminar as informações entre as diferentes instâncias responsáveis pela sua implementação, em especíico, entre o Ministério da Educação e a Secretaria de Estado da Educação e entre a Secretaria e as Escolas. Como resultados principais constataram-se a falta ou carência no funcionamento de instâncias previstas no desenho administrativo do programa e as dissonâncias na disseminação de informações relacionadas, principalmente, ao seu inanciamento. Também, chama a atenção o predomínio dos canais de comunicação oral. Pouco se utiliza das vantagens das tecnologias eletrônicas da comunicação, o que levou a recomendar o investimento na infraestrutura tecnológica administrativa, na capacitação das pessoas e na adaptação da linguagem da informação ao seu usuário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diana Viturino SANTOS

O Laboratório Editorial foi instituído com o objetivo de criar condições e oportunidades para a difusão de pesquisas e tornar públicos os resultados dos trabalhos do corpo docente da FFC. Constitui-se num órgão adjunto à Diretoria da FFC e vinculado à SAEPE, com o apoio da Seção Gráfica, da Diretoria, da Biblioteca, e das Seções de Finanças, Compras e Técnica Acadêmica. A função do Laboratório Editorial é a de assessorar, planejar, realizar e distribuir livros, periódicos e outras publicações elaboradas na FFC.

E-mail: labeditorial@marilia.unesp.br 

Heike SCHMITZ

O Laboratório Editorial foi instituído com o objetivo de criar condições e oportunidades para a difusão de pesquisas e tornar públicos os resultados dos trabalhos do corpo docente da FFC. Constitui-se num órgão adjunto à Diretoria da FFC e vinculado à SAEPE, com o apoio da Seção Gráfica, da Diretoria, da Biblioteca, e das Seções de Finanças, Compras e Técnica Acadêmica. A função do Laboratório Editorial é a de assessorar, planejar, realizar e distribuir livros, periódicos e outras publicações elaboradas na FFC.

E-mail: labeditorial@marilia.unesp.br 

Downloads

Publicado

2016-09-06

Edição

Seção

Artigos