Sonhos quebrados em Ashgabat

um ensaio sobre as contradições políticas pós-independência do Turcomenistão

Autores

  • Valdir Silva Bezerra Universidade Estatal de São Petersburgo

DOI:

https://doi.org/10.36311/2237-7743.2022.v11n1.p118-138

Palavras-chave:

Turkmenistan, Central Asia, Authoritarianism, Post-Soviet space, Russian Public Opinion

Resumo

O presente artigo tem o propósito de apresentar e discutir as contradições politicas (tanto de ordem doméstica quanto internacional) pós-independencia do Turcomenistão. Como parte de um esforço mais amplo em busca de se compreender as dinamicas sociais e de poder resultantes do colapso da União Sovíetica para os países da Àsia Central, empregar-se-á uma análise descritiva de alguns dos principais acontecimentos de política doméstica e externa envolvendo o governo de Ashgabat, bem como as principais implicações referentes à vida de migrantes turcomenos (e Centroasiáticos em geral) na Federação Russa, os quais optaram por deixar seu país de origem em busca de melhores oportunidades economicas e de educação. Resultante do presente esforço, observa-se que o país Centro-asiático não só tonou-se laboratório para o exercício de uma versão local de um ‘Culto à Personalidade’ do líder (à guisa do fenômeno ocorrido durante as décadas de 1930-1950 na União Soviética Stalinista), como também a precária operacionalização por parte do Turcomenistão de sua neutralidade política em vista da dependencia economica de Moscou e, mais recentemente, da China. Evidencia-se, ademais, as dificuldades tanto de adaptação quanto de assimilação de migrantes turcomenos (e os de origem centro-asiática) na Rússia, em função de uma visão ‘estereotipada’ destes por parte da opinião pública russa. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Valdir Silva Bezerra, Universidade Estatal de São Petersburgo

Mestrando em Relações Internacionais pela Universidade Estatal de São Petersburgo (Rússia).Membro do Núcleo de Pesquisas em Relações Internacionais da USP em assuntos sobre Ásia (NUPRI-GEASIA) e Membro Pesquisador do Grupo de Estudos sobre BRICS da USP (GEBRICS)

Downloads

Publicado

2022-04-29

Como Citar

BEZERRA, V. S. Sonhos quebrados em Ashgabat: um ensaio sobre as contradições políticas pós-independência do Turcomenistão. Brazilian Journal of International Relations, Marília, SP, v. 11, n. 1, p. 118–138, 2022. DOI: 10.36311/2237-7743.2022.v11n1.p118-138. Disponível em: https://revistas.marilia.unesp.br/index.php/bjir/article/view/11406. Acesso em: 3 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos