Vinte anos de Organização do Tratado de Cooperação Amazônica: uma análise da conjuntura atual

Twenty years of Amazon Cooperation Treaty Organization: an analysis of the current setting

Autores

  • Eunice Rafaele da Silva Machado Faculdade La Salle Manaus

DOI:

https://doi.org/10.36311/2237-7743.2020.v9n1.10.p170

Palavras-chave:

OTCA, Organizações Internacionais, Interdependência Complexa

Resumo

 O presente estudo tem como objetivo analisar a estrutura e o funcionamento da Organização do Tratado de Cooperação Amazônica a partir dos fundamentos instituídos no Direito Internacional que estabelecem as definições e classificações das Organizações Internacionais e, no âmbito das Relações Internacionais, explanar sobre a configuração do sistema internacional contemporâneo com base na Teoria da Interdependência Complexa, que identifica e permite a atuação destes atores delineando os contornos de sua influência e autonomia nesta estrutura. A pesquisa é de caráter dedutivo e natureza bibliográfica, partindo do geral para o específico, expondo aspectos descritivos, comparativos e qualitativos advindos do levantamento documental e de dados que fundamentam teoricamente as informações aqui presentes. A síntese da análise dos resultados indica que a nova conjuntura do sistema internacional tem firmado parte de seus alicerces na cooperação, diretamente ligada à interdependência cada vez mais profunda entre os Estados. No que tange à OTCA, fica elucidada como uma Organização Regional de finalidade específica que, embora com dificuldades para se estabelecer no cenário regional e mundial como referência nas questões amazônicas e de desenvolvimento sustentável, tem obtido sucesso no crescimento de sua autonomia financeira, nos resultados finais de seus projetos e atuando como um fórum mediador entre seus membros nas questões a que se debruça.

 

 

Abstract: The present study aims to analyze the Amazon Cooperation Treaty Organization’s structure and operation from the established basis in International Law that deal with the definitions and classifications of International Organizations. In the context of International Relations, it explains about the configuration of the contemporary international system based on the Complex Interdependence Theory that identifies and allows the performance of these actors, outlining the contours of their influence and autonomy in this structure. The research has a deductive character and bibliographic nature, starting from the general to the specific exposing descriptive, comparative and qualitative aspects arising from the documentary and data survey that theoretically based the information present here. The synthesis of the results’ analysis indicates that the new conjuncture of the international system has laid part of its foundations on cooperation, directly linked to the ever deeper interdependence between states. Regarding the ACTO, it is elucidated as a Regional Organization of specific purpose that, although facing difficulties to establish itself in the regional and global scenario as a reference in the Amazonian and sustainable development issues, has been successful by increasing its financial autonomy, by the final results achieved on its projects and acting as a mediating forum among its members on the issues it addresses.

Keywords: International Organizations. Complex Interdependence. ACTO.

 

 

 

Recebido em: setembro/2019

Aprovado em: fevereiro/2020

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ACCIOLY, Hildebrando; SILVA, G. E. do Nascimento; CASELLA, Paulo Borba. Manual de direito internacional público. 20. ed. São Paulo: Saraiva, 2012.
BENETTI, Valéria Flores. O Papel da Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (OTCA) na Busca pelo Desenvolvimento Sustentável. Repositório Institucional da UFSC. Florianópolis, 2014.
BRASIL, República Federativa do. Diário do Senado Federal. Ano Liv – Nº 096. Sábado, 12 de Junho de 1999. Brasília, DF, 1999.
CARVALHO, David França Ribeiro de. O Tratado de Cooperação Amazônica no contexto dos processos de integração regional: da unidade fragmentada à unidade integrada. Dissertação (Mestrado) – Pontifícia Universidade Católica de MG. Belo Horizonte, 2009.
DECLARACIÓN DE TENA. XIII Reunión de Ministros de Relaciones Exteriores de los Países Miembros de la Organización del Tratado de Cooperación Amazónica. Tena, Ecuador, 2017.
FREIRE, Cristiniana Cavalcanti; TORQUATO, Carla Cristina Alves; COSTA, José Augusto Fontoura. Juridificação Internacional: Análise do Tratado de Cooperação Amazônica em Face dos Desafios Ambientais Internacionais. XV CONPEDI. Manaus, 2006.
GIZ, Deutsche Gesellschaftfür Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH. Strengthening of the regional organization ACTO. Disponível em: https://www.giz.de/projektdaten/projects.action?request_locale=en_GB&pn=201225341#/header, acesso em 28 de Março de 2019.
GOMES, Juan Pablo Ferreira; SILVA FILHO, Erivaldo Cavalcanti e. O Tratado de Cooperação Amazônica e a Gestão Compartilhada de Recursos Naturais: a Efetivação dos seus Projetos. Direito e sustentabilidade I. Organização CONPEDI/UnB/UCB/IDP/UDF. Florianópolis: CONPEDI, 2016.
HOSANNAH, Juliana de Jesus Machado. O Papel da OTCA na Proteção da Amazônia. Instituto de Relações Internacionais, Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais: XVI Curso de Especialização em Relações Internacionais. Brasília, 2015.
KEOHANE, Robert O.and NYE, Joseph S. Power and interdependence. Boston: Longman; 4th ed, 2011.
MAZZUOLI, Valerio de Oliveira. Curso de direito internacional público. -- 9. ed. rev., atual. e ampl. -- São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2015.
MERIZALDE, Max González. La Asociación de Universidades Amazónicas (UNAMAZ) en el marco de la Cooperación Regional Amazónica. Boletín de Educación Superior Iesalc Informa. Nro. 210. Septiembre 2010.
MRE – Ministério das Relações Exteriores. Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (OTCA). (n.d.). Disponível em: http://www.itamaraty.gov.br/pt-BR/politica-externa/integracao-regional/691-organizacao-do-tratado-de-cooperacao-amazonica-otca, acesso em 17 de Março de 2019.
OTCA – Organização do Tratado de Cooperação Amazônica. Base Jurídica. (n.d.). Disponível em: http://otca.info/portal/base-juridica.php?p=otca, acesso em 14 de Abril de 2017a.
_____. Cooperação Internacional. (n.d.). Disponível em: http://otca.info/portal/cooperacao-internacional.php?p=otca, acesso em 14 de Abril de 2017b.
_____. Gestão integrada de incêndios na agenda de trabalho dos Países Membros da OTCA. Disponível em: http://www.otca-oficial.info/news/details/437, acesso em 13 de março de 2020.
_____. Reunião de Presidentes. (n.d.). Disponível em: http://otca.info/portal/reuniao-de-presidentes.php?p=otca, acesso em 14 de Abril de 2017c.
_____. Regulamento da Secretaria Permanente. (n.d.) Disponível em: http://www.otca.info/portal/admin/_upload/documentos/747-Regulamento_SPOTCA_PT.pdf, acesso em 05 de Maio de 2017d.
REZEK, José Francisco. Direito Internacional Público: curso elementar. – 13. ed. rev., aumen. e atual. São Paulo: Saraiva, 2011.
SEITENFUS, Ricardo Antônio Silva. Manual das organizações internacionais. 5 ed. rev., atual. e amp. – Porto Alegre: Livraria do Advogado Ed., 2008.
SELA, Sistema Económico Latinoamericano y del Caribe. Parlamento Amazónico. Disponível em: http://directorio.sela.org/listado-de-organismos/parlamaz.aspx, acesso em 14 de junho de 2018.
SILVA, Rodolfo Ilário da. A cooperação multilateral entre os países amazônicos: a atuação da Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (OTCA). Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da Universidade Estadual Paulista – UNESP. Marília, São Paulo, 2012.
SILVA, Rodolfo Ilário da. O Multilateralismo Amazônico, entre Êxitos Geopolíticos e Entraves Executivos:Trajetória do Processo de Cooperação de 1978 a 2012. Brazilian Journal of International Relations. Edição quadrimestral, vol. 2, n. 3, p.533-559. Marília, 2013.
SILVA, Solange Teles da. O direito ambiental internacional. Belo Horizonte: Del Rey, 2009.
SP/OTCA. Base Jurídica Del Tratado De Cooperación Amazónica: Actualización Resumida 2003 – 2012. 7 ed. Brasília, DF, 2013.
SP/OTCA. Integrando a Amazônia Continental- Relatório de Gestão - Novembro de 2005 a Outubro de 2006. Gráfica e Editora Positiva. Brasília, DF, 2006.
SP/OTCA. Oportunidades de Cooperación en la Región Amazónica. 1 ed. 2016.
SP/OTCA. Plano Estratégico 2004|2012. Organização do Tratado de Cooperação Amazônica - Brasília, DF, 2004.
SP/OTCA. Relatório de Gestão – julho de 2007 a julho de 2008. Estação Gráfica. Brasília, DF, 2008.
SPT-TCA. Base Jurídica Del Tratado De Cooperación Amazónica: Antecedentes Constitutivos de la Organización del Tratado de Cooperación Amazónica (OTCA). La Paz, Bolívia, 2002.
TCA. Tratado de Cooperação Amazônica. Estado Plurinacional da Bolívia, República Federativa do Brasil, República da Colômbia, República do Equador, República Cooperativa da Guyana, República do Peru, República do Suriname, República Bolivariana da Venezuela. Brasília, 1978.
UFPA, Universidade Federal do Pará. O que é Unamaz? Disponível em: http://www.ufpa.br/unamaz/, acesso em 14 de junho de 2018.
X Reunião de Ministros das Relações Exteriores dos Países Membros da Organização do Tratado de Cooperação Amazônica. RES/X MRE-OTCA/ 7, Lima, Peru, 2010.
XIII Reunión de Ministros de Relaciones Exteriores de los Países Miembros de la OTCA. RES/XIII MRE-OTCA/04, Tena, Ecuador, 2017.

Downloads

Publicado

2020-05-02

Edição

Seção

Artigos