Manifesto Comunista: qual historicidade?

Autores

  • Marcos Del Roio

DOI:

https://doi.org/10.36311/0102-5864.2012.v49n1.2371

Resumo

este artigo se interroga sobre a atualidade do Manifesto Comunista, de Marx e Engels, demarcando o texto no seu próprio tempo (1848), nos últimos tempos de vida de Engels (1895), no momento da eclosão da revolução socialista na Alemanha (1918) e na atualidade. A conclusão é que o texto tem atualidade permanente enquanto for necessária a crítica teórico/prática da ordem do capital.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Edição

Seção

Artigos