[1]
I. Loureiro, “Entrevista com Alex Demirovic”, Trans/Form/Ação, vol. 27, nº 2, p. 143–148, dez. 2004.