[1]
J. G. Coelho, “Bergson leitor de lucrécio: as implicações existenciais do determinismo”, Trans/Form/Ação, vol. 26, nº 1, p. 129–140, jan. 2003.