[1]
A. V. M. Garnica, “Considerações sobre a fenomenologia hermenêutica de Paul Ricoeur”, Trans/Form/Ação, vol. 16, p. 43–52, jan. 1993.