“Diferenças entre as deduções nas duas edições da crítica da razão pura” (1997) Trans/Form/Ação, 20(1), p. 45–55. doi:10.1590/S0101-31731997000100003.