Silveira, L. F. (1989) “Descartes: um naturalista?”, TRANS/FORM/AÇÃO: Revista de Filosofia, 12, p. 57–70. doi: 10.1590/S0101-31731989000100005.