[1]
Silva, A.A. da 2006. O símbolo esvaziado: a teoria do romance do jovem György Lukács. TRANS/FORM/AÇÃO: Revista de Filosofia. 29, 1 (jan. 2006), 79–94. DOI:https://doi.org/10.1590/S0101-31732006000100006.