CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO

  • Orly Zucatto Mantovani de Assis Professora Assistente Doutora da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
  • Carolina Pasquini Ribeiro Pesquisadora no Laboratório de Psicologia Genética da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
Palavras-chave: Escola, Construção do conhecimento, Prática Pedagógica democrática

Resumo

A escola existe não apenas para transmitir conhecimentos. Sua finalidade principal é a de promover o desenvolvimento pleno das novas gerações para que se tornem homens livres, moral e intelectualmente autônomos, críticos, íntegros e capazes de contribuírem para a transformação da realidade em que vivem. Para tanto, é responsabilidade da escola propiciar as condições necessárias para que os estudantes sejam protagonistas no processo de construção do conhecimento, e de sua personalidade. Assim sendo, o presente artigo, baseado na conferência do mesmo título, proferida no V Colóquio Internacional de Epistemologia e Psicologia Genéticas, tem por objetivo esclarecer como é possível propiciar a construção do conhecimento na escola e quais as condições necessárias para que isso aconteça, exemplificando o papel do professor quando a educação tem por finalidade o pleno desenvolvimento do aluno. Com vistas a elucidar esse fim, o PROEPRE – Programa de Educação Infantil e Ensino Fundamental, inspirado na teoria de Jean Piaget, apresenta situações concretas por meio das quais num ambi-ente em que se vivencia uma prática pedagógica democrática, os alunos podem ser os protagonistas da construção do seu conhecimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-10-24
Seção
Artigos