RAMON ROCA DORDAL (1854-1938) E CARLOS ALBERTO GOMES CARDIM (1875-1938) NA HISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃO NO BRASIL

  • Franciele Ruiz Pasquim Unesp-Universidade Estadual Paulista

Resumo

Com os objetivos de contribuir para compreensão de um importante momento na história do ensino de leitura e escrita no Brasil, focaliza-se neste artigo, as contribuições da atuação profissional e a produção didática, dos professores formados pela Escola Normal de São Paulo, R. R. Dordal (1854-1938) e C. A. G. Cardim (1875-1938), no segundo “momento da história” da alfabetização do Brasil. Mediante abordagem histórica centrada em pesquisa documental e bibliográfica, desenvolvida por meio da utilização de procedimentos de localização, recuperação, reunião, seleção e ordenação de fontes documentais, elaboraram-se dois instrumentos de pesquisa, os quais resultaram os documentos: Bibliografia de e sobre R. R. Dordal e, Bibliografia de e sobre Dordal. A análise das referências de textos que integram cada um dos documentos mencionados contribuiu tanto para a compreensão de aspectos relevantes da atuação profissional e produção didática desses professores, em especial, como autores de cartilhas para o ensino inicial de leitura e escrita, a saber: Cartilha Moderna [1902], de Ramon Roca, e Cartilha Infantil [1909?], de Gomes Cardim, ambas baseadas no método analítico para o ensino da leitura; quanto da importância da elaboração de instrumentos de pesquisa na etapa inicial de pesquisa histórica em educação, principalmente para o desenvolvimento de pesquisas correlatas sobre o tema.
Publicado
2010-10-06
Seção
Artigos