A POLÍTICA DO PRECARIADO: DO POPULISMO À HEGEMONIA LULISTA

Deni Ireneu Alfaro RUBBO

Resumo


Um dos campos de estudos mais profícuos das ciências sociais da América Latina, Como se sabe,assentou-se em diversas tentativas sistemáticas e ensaísticas de captar as peculiaridades da formação histórico-social de países situados na periferia do sistema, com referenciais teóricos e metodológicos dos mais variados possíveis. Particularmente no campo da tradição “clássica” da sociológica brasileira, autores seminais como Gilberto Freyre, Florestan Fernandes, Maria Sylvia de Carvalho Franco, Luiz Werneck Vianna, dentre outros tantos, são referenciais obrigatórios na empreitada de esgaravatar as misérias e as riquezas de um país “fora do lugar”, historicamente assentado num amalgama complexo de ritmos desiguais e combinados.

Texto completo:

PDF