O ARGUMENTO DA “ALMA CAMINHANTE”: MALEBRANCHE E O CARÁTER INDISPENSÁVEL DAS IDEIAS NA PERCEPÇÃO

  • Pedro Falcão PRICLADNITZKY (UEM)

Resumo

O artigo pretende analisar o argumento proposto por Malebranche, na Recherche de la verité, para estabelecer a necessidade das ideias na percepção. O argumento, que veio a ficar conhecido como o argumento da “alma caminhante”, introduz o conceito de ideia segundo Malebranche e a sua posição acerca das relações entre o ato de perceber e conteúdo percebido; além de ser o passo inicial da demonstração da visão em Deus, no livro III da Recherche. Desse modo, a sua interpretação adequada é de fundamental importância para a compreensão das teses propostas por Malebranche acerca da natureza da cognição humana. Em um primeiro momento, é apresentada a estrutura geral do argumento e as dificuldades interpretativas que ele suscita. Em um segundo momento, apresentamos e avaliamos o sucesso das diversas tentativas de solucinar as dificuldades que foram levantadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-03-14
Seção
Artigos