BAUDELAIRE E A MODERNIDADE: UM DIÁLOGO ENTRE WALTER BENJAMIN E MICHEL FOUCAULT

  • Rafael Nogueira FURTADO (PUC-SP)
Palavras-chave: Baudelaire. Benjamin. Foucault. Modernidade.

Resumo

O respectivo artigo tem por objetivo expor e confrontar as análises realizadas por Walter Benjamin e Michel Foucault a respeito de Baudelaire e suas reflexões sobre a Modernidade. Trata-se de evidenciar o modo como cada teórico apropriou-se do pensamento de Baudelaire, tendo em vista a problemática a eles comum da crítica à Modernidade. Ao longo deste escrito, o pensamento de Benjamin e Foucault foi apresentado separadamente, para que ao final aproximações e distinções pudessem ser estabelecidas. Com isto, visa-se lançar luz sobre
aspectos específicos de suas obras, delimitando e esclarecendo argumentativamente seus conceitos. Como metodologia utilizou-se a análise de textos dos referidos autores e seus comentadores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Nogueira FURTADO (PUC-SP)

O Laboratório Editorial foi instituído com o objetivo de criar condições e oportunidades para a difusão de pesquisas e tornar públicos os resultados dos trabalhos do corpo docente da FFC. Constitui-se num órgão adjunto à Diretoria da FFC e vinculado à SAEPE, com o apoio da Seção Gráfica, da Diretoria, da Biblioteca, e das Seções de Finanças, Compras e Técnica Acadêmica. A função do Laboratório Editorial é a de assessorar, planejar, realizar e distribuir livros, periódicos e outras publicações elaboradas na FFC.

E-mail: labeditorial@marilia.unesp.br 

Publicado
2014-12-18
Seção
Artigos