Como os argumentos de Kant sobre o estado de necessidade são refutados quando traduzidos em um experimento mental de duplo nível

Jean-Christophe Merle

Resumo


O parágrafo de Kant sobre um suposto estado de necessidade consiste na sua versão do famoso caso da tábua de Carnéades. Esse caso é um experimento mental e parece-me que a sua interpretação e avaliação em comparação com outra versão do mesmo experimento mental pode proporcionar uma abordagem heurística crítica. Desse modo, neste ensaio, eu seguirei esse método.


Texto completo:

PDF