A diversidade no curso de Pedagogia no Brasil: construção de uma experiência para os direitos humanos

Sérgio JUNQUEIRA

Resumo


O presente artigo objetivou analisar a diversidade cultural no Curso de Pedagogia, no Brasil, acreditando-se que, pela educação, pode-se compreender e praticar os direitos humanos, a fim de que todos possam viver juntos, em uma sociedade multicultural, respeitandose uns aos outros. Para tanto, desenvolveu-se uma pesquisa documental, fundamentada na análise de alguns suportes legais, considerando a LDB n. 9.394/96, as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Graduação em Pedagogia, Resolução CNE/CP nº 1 e Parecer CNE/ CP nº 5/2005, e a Declaração Universal dos Direitos Humanos, entre outros. Os resultados apontam que ao Curso de Pedagogia atribui-se a responsabilidade pela formação de professores, preparando esses profissionais para o exercício de sua profissão, bem como para a atuação com a questão da diversidade, presente na sociedade brasileira, e, assim, colocar em prática a Declaração dos Direitos Humanos. Portanto, é fundamental que os cursos de Pedagogia cumpram a legislação que os normatiza, formando educadores conscientes da necessidade de inserir a diversidade cultural nas suas práticas pedagógicas, integrando teoria e prática, com o objetivo de exercer o seu papel de transformação da educação e da sociedade.

Palavras-chave


Educação. História da Pedagogia. Diversidade Cultural. Direitos Humanos.

Texto completo:

PDF


Universidade Estadual Paulista - Campus de Marília

Departamento de Administração e Supervisão Escolar

www2.marilia.unesp.br/revistas/index.php/educacaoemrevista