A CONCEPÇÃO DOS PROFESSORES DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL A RESPEITO DE CURRÍCULO ESCOLAR

Helena Maria dos Santos FELÍCIO, Amanda Chiaradia MAGALHÃES

Resumo


O texto tem por objetivo analisar as concepções acerca de “currículo escolar” dos professores dos anos iniciais do município de Machado (MG). A importância de se trabalhar com a concepção de currículo escolar reside na necessidade de uma tomada de consciência de que o êxito da docência no ambiente escolar está, em grande parte, no conhecimento e aprofundamento do que vem a ser currículo escolar e de suas implicações no processo de ensino e de aprendizagem. O trabalho foi desenvolvido a partir de uma abordagem qualitativa, utilizando a entrevista como instrumento de coleta de dados. A partir das análises dos dados percebemos que o currículo é concebido como mera transposição dos saberes/fazeres de referência para a sala de aula, que a construção coletiva do currículo é pouco experienciada, seja pela não consciência da amplitude e importância dessa atividade de organização ou pela falta de espaço que os professores encontraram para opinar nesta construção. O que acarreta situações onde o professor e alunos são meros executores do currículo, sem poder intervir/opinar na própria realidade. O resultado encontrado nos faz pensar que a formação inicial e continuada dos professores apresenta uma fragilidade, já que os professores não se percebem como o principal sujeito na construção do currículo. Deste modo, é necessário, ao professor, conhecer o currículo em todas as suas dimensões, principalmente, a que diz respeito aos processos de elaboração e implementação do mesmo no espaço escolar.


Palavras-chave


Currículo escolar; Ensino fundamental; Concepção dos professores; Prática pedagógica

Texto completo:

PDF


Universidade Estadual Paulista - Campus de Marília

Departamento de Administração e Supervisão Escolar

www2.marilia.unesp.br/revistas/index.php/educacaoemrevista