Percepções desafios e práticas da inclusão escolar de crianças com transtorno do espectro autista

  • Martha Morais Minatel Universidade Federal de Sergipe
  • Alaíse Macêdo Duarte
  • Raíssa Vasconcelos Oliveira
  • Rita de Cacia Santos Souza
  • Verônica dos Reis Mariano Souza Universidade Federal de Sergipe
Palavras-chave: Transtorno do Espectro Autista. Educação Especial. Educação Inclusiva.

Resumo

O presente estudo teve por objetivo identificar a percepção que profissionais de uma escola de ensino fundamental tem em relação ao autismo. O método utilizado foi baseado na pesquisa ação, que é uma pesquisa centrada diretamente numa situação ou problema coletivo, no qual participantes estão envolvidos de modo cooperativo ou participativo. Os resultados revelaram concepções sobre o autismo ligadas aos déficits e prejuízos da criança, tendo maior dimensão na análise as ações individuais e coletivas para construção de espaços inclusivos. Ademais teve destaque a reflexão acerca das contradições entre as políticas educacionais e as possibilidades de realizar práticas educacionais mais humanas e inclusivas.

Recebido em: 09 de abril de 2019
Modificado em: 25 de outubro de 2019
Aceito em: 11 de novembro de 2019

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Martha Morais Minatel, Universidade Federal de Sergipe

Doutora em Educação pela Universidade Federal de Sergipe (2018). Professora na Universidade Federal de Sergipe no curso de Terapia Ocupacional. Tem experiência na área de Terapia Ocupacional, Infância e Juventude, atuando principalmente nos seguintes temas: saúde mental infantojuvenil, educação e educação inclusiva, políticas públicas de atenção e proteção à infância e juventude; direitos humanos.

Alaíse Macêdo Duarte

Graduada em Terapia Ocupacional pela Universidade Federal de Sergipe (2017). Tem experiência e atua na área de saúde mental infantojuvenil e Centros de Atenção Psicossocial.

Rita de Cacia Santos Souza

Pós doutorado (2014) e doutorado em Educação pela Universidade Federal da Bahia (2009). Professora do Departamento de Educação e do Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Federal de Sergipe. Tem experiência na área de Educação infantil à pós-graduação, atuando nos seguintes temas: História da Educação, Formação do Professores, Educação especial e inclusiva, tecnologia assistiva, Libras.

Verônica dos Reis Mariano Souza, Universidade Federal de Sergipe

Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (2007). Professora na Universidade Federal de Sergipe no curso de Pedagogia e no Programa de Pós Graduação em Educação. Tem experiência na área de educação inclusiva e de educação, atuando principalmente nos seguintes temas: História da educação especial, inclusão da pessoa com deficiência e alfabetização.

Publicado
2019-12-20
Seção
Artigos