USO DE APLICATIVOS MÓVEIS (APPS) PELO DEFICIENTE VISUAL

possibilidades acessíveis de aprendizagem

  • LUCIANA DE JESUS BOTELHO SODRÉ DOS SANTOS SEDUC MA
Palavras-chave: Aplicativos móveis (Apps). Deficiente Visual. Aprendizagem.

Resumo

O uso de dispositivos móveis, como os “celulares inteligentes” (smartphones), por exemplo, tem se destacado nas pesquisas nacionais. Com uma crescente demanda, houve consequentemente um aumento significativo no desenvolvimento de serviços e recursos, como aplicativos móveis (Apps), atendendo a diversas necessidades (lazer, cultura, educação etc.) e públicos, inclusive as pessoas com deficiência. Nessa perspectiva, este artigo realiza uma análise sobre as possiblidades acessíveis de aprendizagem viabilizadas no uso de Apps pelo Deficiente Visual (DV). Por meio de uma abordagem qualitativa, este estudo de natureza bibliográfica com levantamento em diversas fontes de informação compartilha a expressiva ênfase atribuída às múltiplas facetas educativas proporcionadas por meio do uso dos serviços da tecnologia móvel ou mobile pelo público com DV, parcela significativa da população brasileira, conforme expressa os resultados do último Censo (2010). Apresenta a descrição de alguns Apps que podem ser utilizados para o desenvolvimento educacional do DV, bem como analisa seu potencial de uso por parte destes sujeitos. Em suma, considera que essas tecnologias, quando utilizadas de forma coesa pelo Deficiente Visual se traduz num caminho estreito ao seu processo de aprendizagem. Em contrapartida, ainda necessita de incentivos e, principalmente esclarecimentos para os devidos usos e desenvolvimentos.

 

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-07-29
Seção
Artigos