Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à revista REVISTA DIÁLOGOS E PERSPECTIVAS EM EDUCAÇÃO ESPECIAL?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

 

Diretrizes para Autores

SOBRE A REVISTA

Revista Diálogos e Perspectivas em Educação Especial (RDPEE) é um periódico semestral, com publicação de artigos científicos sobre temáticas diversas em Educação Especial e Inclusiva. A RDPEE não possui taxa de publicação.

Atende à demanda de fluxo contínuo, podendo haver também números especiais organizados na forma de Dossiês, encomendados pela Comissão Editorial, organizados a partir de seleção de trabalhos apresentados e/ou premiados em eventos científicos da área ou, ainda, selecionados por meio de edital específico.

A revista online estará aberta a toda a comunidade científica, com acesso por meio do site de Publicações da Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC) da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (FFC/UNESP). Para garantir um maior número de autores na revista, cada autor e/ou coautor poderá publicar somente um artigo por ano.

As colaborações para a RDPEE podem ser apresentadas como: ensaios teóricos, artigos e resenhas. A revista, eventualmente, poderá aceitar outros tipos de contribuições que não se enquadram nessas seções fixas, a saber: revisão de literatura, relatos de experiência, artigos técnicos e depoimentos e/ou entrevistas. 

MANUSCRITOS PRIORIZADOS PELA REVISTA

a) Artigos

A estrutura típica deste texto consiste em diferentes seções que refletem os estágios do processo de investigação científica, os quais podem aparecer na seguinte ordem: introdução com os objetivos de investigação; método; resultados; discussão; e conclusão ou considerações finais. 

b) Ensaios teóricos

Trabalhos teóricos encomendados pela Comissão Editorial que retratam o conhecimento aprofundado do autor para refletir criticamente sobre um constructo científico existente e articulá-lo à área da Educação Especial, bem como cooperar para seus avanços. Os textos para esta seção consistem, ainda, em descrições de desenhos diversos, para diferentes realidades e/ou situações que expressem como o universo da Educação Especial se apresenta. Relacionam-se ao conceito de sociedade inclusiva e de seu reconhecimento, especialmente pelas esferas governamentais.

c) Resenhas

Consiste em um texto de apreciação e apresentação de livros ou coletâneas da área de Educação Especial publicados até dois anos antes da data de envio da resenha.

d) Dissertações e Teses defendidas

Trata-se de um banco de dados com informações sobre defesas de dissertações e teses captadas pela Comissão Editorial da RPDEE junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação da FFC/UNESP, na linha de Educação Especial.

OUTRAS SEÇÕES

a) Revisão de Literatura

A Revisão de Literatura deve ser composta de sínteses de pesquisas ou meta-análises, com uma avaliação crítica de um material já publicado. Espera-se que os autores, ao integrar e avaliar os dados, explicitem possíveis lacunas e avanços. Muito embora não haja uma estrutura de seções pré-definidas para este tipo de contribuição, os autores devem atentar também para aspectos fundamentais do método, a saber: bases de busca e critérios para a realização da mesma; período e descritores considerados; como foi analisado o material encontrado; e, por fim, sugere-se que esse material seja apresentado numa seção de resultados, de acordo com os padrões atuais dos periódicos científicos qualificados ou avaliados por pares.

b) Relatos de Experiência

Descrição nos moldes científicos de procedimentos e tecnologias educacionais, com vistas a um melhor equacionamento de situações educacionais e/ou melhor atuação do profissional da área de Educação Especial.

c) Depoimentos e/ou Entrevistas

Seção aberta a pesquisadores e/ou personalidades com representação pública na área de Educação Especial, com vistas à descrição de depoimentos e/ou entrevistas sobre temas relevantes para a revista.

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DOS MANUSCRITOS

 

Identificação: folha de rosto contendo o título (em português e inglês); título resumido (em português) autor (titulação, instituição, departamento, quando for o caso), endereço completo de todos os autores e e-mails para contato.

Resumo: o resumo deverá expor o objetivo, materiais e métodos, resultados e conclusões, quanto se tratar de relato de pesquisa. No caso dos demais tipos de texto, serão aceitas variações, exceto para revisões de literatura, que deverão seguir também os itens descritos anteriormente. Os resumos deverão conter, no máximo, 250 palavras, ser digitados sem parágrafos e sem citações de autores e datas.

Palavras-Chave: fazer a indicação após o resumo (mínimo de três e máximo de cinco palavras). Utilizar o site do Thesaurus Brasileiro da Educação do INEP no site www.inep.gov.br.

Abstract e Keywords: o resumo em inglês, bem com os descritores, deverão ser apresentados logo após o resumo em português, seguindo as mesmas normas apontadas anteriormente.

Corpo do Texto: considerar as indicações de acordo com o tipo de manuscrito submetido, descritas na Seção Sobre o tamanho e formatação dos manuscritos.

Referências: devem ser dispostas em ordem alfabética pelo sobrenome do primeiro autor e seguir a NBR 6023 da ABNT, de 30 agosto de 2002: espaço simples na descrição principal dos dados da obra, e espaço 1,5 entre as obras.

Agradecimentos: devem ser incluídas colaborações relacionadas ao reconhecimento técnico da pesquisa: apoio financeiro, por exemplo. Os artigos devem ser encaminhados ao Editor da RPDEE, por meio de endereço eletrônico, acompanhados das declarações de Cessão de Direitos Autorais, conforme descrição nos passos para submissão do texto.

 

SOBRE O TAMANHO E A FORMATAÇÃO DOS MANUSCRITOS

a) Ensaios teóricos, Artigos e Revisões de Literatura: devem ser digitados em papel A4 e com páginas numeradas (canto superior direito). Conter no mínimo 16 e no máximo 20 laudas, incluindo as referências. O espaçamento no corpo do texto deve ser de um e meio, fonte do tipo Times New Roman, tamanho 12, texto justificado, parágrafos com 1,25 cm. As margens deverão seguir 2,5 cm para esquerda, direita, inferior e superior.

b) Relatos de Experiência e Depoimentos e/ou Entrevistas: os textos devem ser digitados em papel A4 e com páginas numeradas (canto superior direito). Conter no mínimo 8 e no máximo 12 laudas, incluindo as referências. O espaçamento no corpo do texto deve ser de um e meio, fonte do tipo Times New Roman, tamanho 12, texto justificado, parágrafos com 1,25 cm. As margens deverão seguir 2,5 cm para esquerda, direita, inferior e superior.

c) Resenhas: o texto deverá conter todas as informações para a identificação do trabalho comentado e ser redigido, por, no máximo, dois autores. Devem ser digitadas em papel A4 e com páginas numeradas (canto superior direito). Conter no mínimo 2 e no máximo 3 laudas, incluindo as referências. O espaçamento no corpo do texto deve ser de um e meio, fonte do tipo Times New Roman, tamanho 12, texto justificado, parágrafos com 1,25 cm. As margens deverão seguir 2,5 cm para esquerda, direita, inferior e superior.

Forma de submissão: exclusivamente pelo site da Revista, conforme orientações passo a passo.

APRESENTAÇÃO DAS REFERÊNCIAS (NBR 6023, de 30 de agosto de 2002)

Livros

BARROS, R. C. B.; PAULINO-PEREIRA, F. C.; OLIVEIRA, J. P. Educação e Saúde: Considerações sobre o processo de integração e inclusão educacional. 1. ed. Jundiaí: Paco Editorial, 2013. 116p.  

Capítulos de livros

GIROTO, C. R. M.; MILANEZ, S. G. C. La formación del profesorado de apoyos educativos especializados: ¿que é ha cambiado en la práctica docente especializada en el escenario educativo de Brasil? In: HEREDERO, E. S.; GIROTO, C. R. M.; MARTINS, S. E. S. O. (Org.). La formación del profesorado para la atención a la diversidad en Brasil y España. 1. ed. Alcalá de Henares: Universidad de Alcalá, 2013, v. 1, p. 05-21. 114

GIROTO, C. R. M.; MARTINS, S. E. S. O. Atuação interdisciplinar com grupo de pais de crianças surdas sobre a perspectiva bilíngue. In: BERBERIAN, A. P.; SANTANA, A. P. (Org.). Fonoaudiologia em contextos grupais: referenciais teóricos e práticos. 1. ed. São Paulo: Plexus, 2012, v. 1, p. 137-171.

Dissertações e teses

BITENCOURT, C. M. F. Pátria, civilização e trabalho: o ensino nas escolas paulista (1917-1939). 256 f. 1988. Dissertação (Mestrado em História) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.

Artigos em periódicos impressos

ROMSKI, M. A.; SEVCIK, R. A. Augmentative Communication and Early Intervention: Myths and Realities. Infants & Young Children, v. 18, n. 3, p. 174-185, 2005.

Artigos em periódicos online

PAURA, A.C.; DELIBERATO, D. Estudo de vocábulos para avaliação de crianças com deficiência sem linguagem oral. Rev. bras. educ. espec., Marília. [online]. v. 20, n. 1. p. 37-52, 2014. Disponível em: www.scielo.br. Acesso em: 15 abr. 2014.

RAMOS, A. S.; ALVES, L. M. A fonoaudiologia na relação entre escolas regulares de ensino fundamental e escolas de educação especial no processo de inclusão. Rev. bras. educ. espec. [online]. v.14, n.2, p. 235-250, 2008. Disponível em: www.scielo.br. Acesso em: 15 abr. 2014.

Artigos em jornal de circulação diária

PROFETA, M. S. Acessibilidade é tão antiga quanto respeito e dignidade. Há quem diga que não. Jornal Correio Mariliense, Marília, São Paulo, p. A2 - A2, 31 maio 2012.

Documento eletrônico

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA. Coordenadoria Geral de Bibliotecas. Grupo de Trabalho Normalização Documentária da Unesp. Normalização Documentária para a produção científica da Unesp: normas para apresentação de referências. São Paulo, 2003. Disponível em: http://www.biblioteca. unesp.br/pages/normalizacao.pdf>. Acesso em: 15 jul. 2004.

Trabalho de congresso ou similar (publicado)

MIURA, R. K. K.; YASSUDA, A. S. K.; DIAS, S. A.; ALONSO, A. V. Desenvolvimento de componentes curriculares por alunos com deficiência intelectual. In: FÓRUM INTERNACIONAL DE INCLUSÃO, II: Discutindo Autismo e Deficiência Múltipla, 2013, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: UERJ, 2013. p. 1-9.

Citação no texto

O autor deve ser citado entre parênteses pelo sobrenome, em letras maiúsculas, separado por vírgula da data de publicação: (POKER, 2014).

Se o nome do autor estiver citado no texto, indica-se apenas a data entre parênteses: Braccialli (2014) assinala... Quando for necessário especificar página(s), as quais deverão seguir a data, separadas por vírgula e precedidas de p.: (DEL MASSO, 2014, p.5).

As citações de diversas obras de um mesmo autor, publicadas no mesmo ano, devem ser discriminadas por letras minúsculas após a data, sem espaçamento: (SADE, 2014a; SADE, 2014b).

Quando a obra tiver mais de dois autores, o primeiro deverá ser citado, seguido da expressão et al. (sem destaque) e, em seguida, indica-se a data entre parênteses: Vitta et al. (2014) mencionaram que...

As citações diretas com mais de três linhas deverão ser destacadas com recuo de 4 cm da margem esquerda, com letra tamanho 11 e sem aspas.

As citações com menos de três linhas devem estar entre aspas e com fonte normal (dentro do texto sem recuo).

Notas: devem ser evitadas e, quando isso não for possível, estas devem ser colocadas no pé da página, utilizando o recuso disponível no Editor de texto (Word); as remissões para o rodapé devem ser feitas por números, na entrelinha superior.

Ilustrações: (figuras, desenhos, gráficos, quadros, mapas, esquemas, fórmulas, modelos, fotografias, radiografias). As legendas devem ser inseridas abaixo das ilustrações, numeradas consecutivamente em algarismos arábicos e centralizadas. No caso de imagens que indiquem indivíduos ou grupo de indivíduos, deverá ser apresentada, à Comissão Editorial, cópia dos documentos em que conste a autorização destes para publicação do material.

Tabela: apresentam informações tratadas estatisticamente e devem seguir os padrões do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O título deve ser inserido na parte superior, centralizado, e a numeração é consecutiva, em algarismos arábicos. Caso seja necessário especificar a fonte dos dados, esta deve ser colocada abaixo da tabela e o texto alinhado à esquerda.

Anexos e Apêndices: devem ser evitados. No entanto, aqueles de extrema importância para a compreensão ou complementação do texto principal, podem ser inseridos.

NOTA: Os dados e conceitos emitidos nos textos, bem como a exatidão das referências bibliográficas e aspectos éticos (pesquisas com seres humanos – Resolução 466/2012), são de inteira responsabilidade dos autores. Os trabalhos que não se enquadrarem nas normas da RDPEE serão devolvidos aos autores, ou serão solicitadas adaptações, indicadas em mensagem eletrônica (e-mail), antes de seu envio aos pareceristas ad hoc

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao Editor".
  2. Os arquivos para submissão estão em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  3. URLs para as referências foram informadas quando necessário.
  4. O texto deve estar em espaço 1,5; fonte Times New Roman 12; itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento, como anexos.
  5. O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na seção Sobre a Revista.
  6. A identificação de autoria do trabalho foi removida do arquivo e da opção Propriedades no Word, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares (ex.: artigos), conforme instruções disponíveis em Assegurando a Avaliação Cega por Pares.
 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.