A Educação para quem? Uma possível compreensão antropológica da Educação Multicultural

Palavras-chave: Antropologia. Educação. Etnografia.

Resumo

Num mundo cada vez mais marcado pelo multiculturalismo, os educadores não podem ser somente bons técnicos, limitados a ensinar acriticamente os conhecimentos acadêmicos. Todavia, devem conhecer que, embasando qualquer prática educacional, existe um modelo de ser humano, responsável por inclinar suas ações de ensinar. Por isso, por mais que se busque amparar o processo educacional em uma didática, é preciso pensar o homem que se quer formar. Portanto, aproximar a antropologia da educação consiste em poder refletir sobre as dimensões de ser humano, uma diversidade que passa a ser uma tarefa da educação. Nesse sentido, a união entre antropologia e educação deve responder às perspectivas sociais e culturais da educação multicultural, oferecendo à educação as bases estruturais para estabelecer interações educacionais que permitam desenvolver, em plenitude, a humanidade de professor e aluno.

Recebido: 27/02/2019
Aceito: 21/06/2019

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Angelo Antonio Puzipe Papim

Graduado em psicologia. Mestre em educação pela UNESP. Mestrando em ciências sociais pela UNESP. E-mail: angelopapim@gmail.com.

Publicado
2019-07-26
Seção
Dossiê