Da formação docente tecnológica às práticas de letramentos em uma escola da rede pública

  • Francisco Jeimes de Oliveira Paiva
Palavras-chave: Multiletramentos, Multimodalidade, Gêneros Discursivos, Formação Continuada Docente, TDICs

Resumo

Este estudo e decorrente do projeto de pesquisa O uso de mídias digitais por professores de Língua Portuguesa no Pacto pelo Fortalecimento do Ensino Médio (PNEM). Detemo-nos agora a apresentar algumas reflexões acerca das práticas de (multi)letramentos nos (des)dobramentos das ações e/ou atividades, decorrentes da linha de pesquisa: Ensino e Linguagens, do Programa do Mestrado Interdisciplinar em História e Letras (MIHL), da Universidade Estadual do Ceará. Optamos, por razões metodológicas, pela observação e análise das práticas discursivas e interacionais mediadas pelas TDICs no desenvolvimento de pesquisas de letramentos múltiplos com um grupo de professores do ensino médio de uma escola da rede pública estadual, E.E.M. Egídia Cavalcante Chagas. Nesse contexto educacional, discutimos como tais projetos de (multi)letramentos podem constituir-se em estratégias da prática docente que possibilitem ampliar os conhecimentos linguísticos, discursivos e tecnológicos quanto à leitura e à escrita de gêneros textuais/discursivos multimodais em ambientes virtuais de aprendizagem, sobretudo nas aulas e práticas no laboratório de informática (LEI). Concluímos a posteriori que, muitas vezes, os professores sabem muito pouco sobre o que os alunos conhecem acerca das tecnologias digitais, em sala de aula, e, ainda, quanto ao uso de textos multimodais e multissemióticos nos vários contextos de construção da linguagem na era das tecnologias digitais de comunicação e informação (TDICs), na atual sociedade tecnologizada e globalizada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francisco Jeimes de Oliveira Paiva

[1]Mestrando em História e Letras pela Feclesc/Uece. Atualmente é professor efetivo de Língua Portuguesa da rede Estadual do Ceará e Professor Coordenador da Área de Linguagens (PCA).

Publicado
2018-12-24
Seção
Artigos de Pesquisa