Produção destrutiva, colapso ambiental e agroecologia na ótica marxista

  • Henrique Tahan Novaes Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC) – UNESP/campus de Marília
Palavras-chave: colapso ambiental, corporações transnacionais, lutas ambientais

Resumo

Este artigo pretende analisar a questão ambiental a partir de uma perspectiva marxista. Recuperamos estudos de marxistas que abordam o avanço das corporações transnacionais e como estas produzem o colapso ambiental. Em seguida, tentamos demonstrar as potencialidades anticapitalistas da luta ambiental, bem como os riscos de que ela estacione numa espécie de “ecocapitalismo”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Henrique Tahan Novaes, Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC) – UNESP/campus de Marília

Docente da Faculdade de Filosofia e Ciências e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual Paulista, campus Marília-SP, Brasil.

hetanov@gmail.com

Publicado
2020-05-28